Disseram:

Anónimo a 16 de Fevereiro de 2006 às 21:20
Extrapolei os sonhos!
Vivenciei as mágoas.
Convivi com fracos,
suportei os falsos.
Me mantive em pé,
mesmo com as pedras me atingindo em cheio.
Varri da alma a revolta ignóbil,
o desprezo inútil,
e a descrença falsa.
Reabri meu coração à vida.
Deixei reflorescer a ternura.
Olhei em volta e para o céu sem fim...
...me conformei com o mundo, me conformei com a vida.
marta
(http://perfumedemulher.blogs.sapo.pt)
(mailto:marta_ribeiro89@hotmail.com)