Ainda aqui estou

Sentes falta de mim?

 Das minhas palavras?

Das declarações constantes mas tão dedicadas como únicas?

Continuo, aqui.. Calada mas muito apaixonada .

 

Ainda te amo...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Por Di às 20:00
|